Você é o curioso...

    contador de acesso grátis
    ...
    ''O direito a ser iguais, quando a diferença nos inferioriza; o direito a ser diferentes, quando a igualdade nos descaracteriza''.

Informação geral.


Depois de algum tempo tendo problemas com o blog, hoje dia 17 de Setempro de 2013 eu consegui arrumar o lealt e o template. Estarei postando alguns textos que já tenho pronto. E para deixar bem claro, todos os textos que aqui são postados são registrados por data e hora de postagem pelo blogspot que faz parte do google.com. Os textos que não são de minha autoria terão o nome do autor em baixo do texto em questão. Já os que não têm nome por logica devera ser os meus. Espero que gostem do blog, e agradeço se puderem comentar as postagens.

Grato: Welder Campos Rodrigues.


Não me deixe aqui sozinho.

Nem em pensamento, porque cada minúscula parte do meu corpo parece doer e quebrar e se desintegrar, se resumir a pó.
Não me deixe ficar só com o teu cheiro na roupa, não é o suficiente.
Cada um dos meus músculos se contrai, me causando tremendo desconforto.
Não me deixe falar sozinho, as paredes não agüentariam. Minhas cordas vocais se revoltariam.
Não me deixe com o coração na mão, ele não suportaria te ver indo embora. Ele pulsaria tão rápido quanto a velocidade da luz.
Eu não quero me ver em partes por ai.
Não quero me dissolver e nem me encher de qualquer coisa ou gostar estúpido que quase sempre é descartável.
Mas não me importaria de correr em círculos desde que você esteja ao meio.
Não fuja, por favor não fuja dos meus sonhos...

Insônia!


Três e meia da madrugada!
Estou sentado na frente do computador porque não consigo dormir.
Começo a digitar compulsivamente, as palavras saem do meu controle.
Estou tremulo de frio ou de amor mesmo. Nada parece me aquecer, daí lembro dos seus braços e de como eles me envolviam em um enlaçar perfeito.
E eu podia sentir o perfume natural do teu corpo.
Sinto um frenesi total.
Um arrepio dos pés ate a ponta do nariz. É isso que você me causas, arrepios.
Olha... eu sei que já é tarde e logo vai ser muito cedo, os raios de sol vão começar a aparecer e eu ainda to querendo te ligar só pra dizer que eu amo, amo o modo como você me chama de amor e de como você seguras o meu rosto ao me dar um beijo.
Eu to escrevendo às quatro horas da manhã só pra dizer que eu to morrendo de saudade e que eu to pensando em você desde o ultimo segundo que passei ao seu lado.
Sabe que eu odeio quando chega a hora da despedida, o ultimo beijo.
Meu quarto é muito quieto sem a sua risada. Meu edredom que não serve para nada quando você não estas ao meu lado.
Tudo isso que era a minha vida antes de você, antes de eu descobrir que existe o mundo inteiro me esperando a algumas tantas quadras desse cubículo sufocante. Tudo isso aqui, é só pra dizer que a sua falta ta me matando e que eu preciso mesmo te sentir o mais rápido possível.
Aqui eu deixo minhas palavras mais sinceras: eu amo você cada segundo mais.



Não vou falar de chocolate. Apenas senti uma vontade gigantesca de devorar alguns. Dizem que quem procura, acha.

Não é?
É, eu procurei, mas só achei foto.
Melhor do que nada.

Amor?


Viva o Livre!

Declaro aberto os portões desta Sociedade Alternativa. Sintam-se platéia de um palco cheio de personagens que nem eu sei de onde vieram.
A única coisa que sei é que eles estão dentro de mim e que vão começar a aparecer.

Melhor se acomodar, que a cortina já abriu...

Curiosidades..

Minha foto
"Eu acho legal o pessoal acessar o blog e não deixar um recadinho… É massa, é a mesma coisa que você cagar e não puxar a descarga… Porque querendo ou não você usou aquilo, pode ser num momento de merda, mas usou certo? Não custa deixar um recadinho falando… legal…"

Seguidores

Eu queria ser poeta. Mais sou apenas um contador de historias.