Você é o curioso...

    contador de acesso grátis
    ...
    ''O direito a ser iguais, quando a diferença nos inferioriza; o direito a ser diferentes, quando a igualdade nos descaracteriza''.

Informação geral.


Depois de algum tempo tendo problemas com o blog, hoje dia 17 de Setempro de 2013 eu consegui arrumar o lealt e o template. Estarei postando alguns textos que já tenho pronto. E para deixar bem claro, todos os textos que aqui são postados são registrados por data e hora de postagem pelo blogspot que faz parte do google.com. Os textos que não são de minha autoria terão o nome do autor em baixo do texto em questão. Já os que não têm nome por logica devera ser os meus. Espero que gostem do blog, e agradeço se puderem comentar as postagens.

Grato: Welder Campos Rodrigues.

Leitores Anônimos !



Os escritores não são conhecidos. Os leitores passam apercebidos. Carregando um mundo mágico dentro da bolsa ou embaixo dos braços. Dentro do ônibus, no metrô, na pracinha da cidade ou de alimentação do shop.
Os braços fracos. Os olhos cansados. A vista pesada, o óculo sobre o nariz, e café no colchão. Mas o cérebro, sem nunca parar de ler, nunca para de pensar. A boca sem mexer num compasso triste ou feliz comove. Os dutos lacrimais extravasam. E o peito vaza, morre a personagem, morre a gente.
Fecha o livro e ninguém lembra do autor. Só da dor. 
E você meu caro amigo, o que te direi, se por ouvidos não sei dos escritores, quem me dirá dos poetas? 

            

Comme des enfants.




06:20 de uma manhã de quarta-feira. Estava muito frio e com uma chuva fina. Minha vontade era permanecer naquela cama, com meu cobertor e dormir até tarde, porém, eu não podia. Levantei, preparei meu café da manhã, sentei num sofá ao lado do meu piano e fiquei por lá, observando a chuva caindo de fininho. O silêncio e solidão eram minhas fiéis companheiras.
O relógio já marcava quase 07:00 horas e eu precisava me arrumar, ainda estava de pijama. Levantei do sofá e fui me trocar.
Mais um dia, mais uma batalha pela frente e, mais uma vez, ter que ver as mesmas pessoas. Seria muito mais prazeroso ficar deitado, ouvindo uma bela melodia e esquecer os problemas.


Tédio na aula!



Eu não quero que se assuste, quero apenas que me queira.
Eu ando querendo dar uma volta na sua rua pra ver se consigo te ver. Eu que sou tão na minha, fui ficar tão na sua. Eu que sou preto e branco, quis ser colorido quando te vi passar por mim.
Te pegar pelo braço e sair voando não seria uma má ideia se isso fizesse com que você se encantasse por mim.
Gritar seu nome e sussurrar um - Eu te amo. - pode parecer loucura, mas é que eu estou louco por você.

Rodopiar com você embaixo de um céu estrelado também não seria uma má ideia, quero que as estrelas contemplem nosso amor. Quero que se entregue, e que de início, precise precisar de mim.

Brasil, Minas Gerais, Triangulo Mineiro, Uberlândia, Santa Monica, Av. João Naves de Ávila, Universidade Federal de Uberlândia, Bloco 5O, Sala 212, 3ª fileira, 1ª carteira ao lado da janela, Aula de TFG 1.

[8)][:)]




‘’ Ser poeta é ver alegria até na morte… ou tristeza até na vida. ’’




Eu gosto de escrever sobre você, pois assim consigo fazer com que as palavras saiam sem esforço algum. É como se eu tivesse milhares de textos sobre você na mente, e eles estivessem somente esperando eu colocar a mão na caneta. Então acho que enquanto eu estiver vivo escreverei sobre você. 
Ou melhor. 
Enquanto você estiver vivo dentro de mim. 

Liberdade a todo custo?




Liberdade é um conceito furado.
Todos fazem propagandas a seu respeito, mas a verdade é que somos apenas livres para escolhermos nosso punimento.
Se nós comemos demais seremos punidos com a obesidade, se comemos de menos, seremos punidos com a anorexia.
Se nós trabalhamos demais nos cansaremos demais, se trabalharmos de menos não teremos dinheiro pra nada.

Se vamos a igreja, não podemos fazer nada que queremos, senão vamos, já temos presença garantida no inferno, ou seja, só temos liberdade de escolher nossa punição

Viva o Livre!

Declaro aberto os portões desta Sociedade Alternativa. Sintam-se platéia de um palco cheio de personagens que nem eu sei de onde vieram.
A única coisa que sei é que eles estão dentro de mim e que vão começar a aparecer.

Melhor se acomodar, que a cortina já abriu...

Curiosidades..

Minha foto
"Eu acho legal o pessoal acessar o blog e não deixar um recadinho… É massa, é a mesma coisa que você cagar e não puxar a descarga… Porque querendo ou não você usou aquilo, pode ser num momento de merda, mas usou certo? Não custa deixar um recadinho falando… legal…"

Seguidores

Eu queria ser poeta. Mais sou apenas um contador de historias.