Você é o curioso...

    contador de acesso grátis
    ...
    ''O direito a ser iguais, quando a diferença nos inferioriza; o direito a ser diferentes, quando a igualdade nos descaracteriza''.

Informação geral.


Depois de algum tempo tendo problemas com o blog, hoje dia 17 de Setempro de 2013 eu consegui arrumar o lealt e o template. Estarei postando alguns textos que já tenho pronto. E para deixar bem claro, todos os textos que aqui são postados são registrados por data e hora de postagem pelo blogspot que faz parte do google.com. Os textos que não são de minha autoria terão o nome do autor em baixo do texto em questão. Já os que não têm nome por logica devera ser os meus. Espero que gostem do blog, e agradeço se puderem comentar as postagens.

Grato: Welder Campos Rodrigues.

Eu prometo.




Eu serei todo seu.
Serei seu quando estiver sozinho, quando ninguém quiser escutar sequer uma piadinha sem graça que você conta. Eu serei seu na cama, quando estiver carente, assistindo um filme romântico, ou até mesmo de terror. Eu serei seu quando as pessoas menos óbvias te deixarem. Te deixarem pelo fato de não te aguentar mais, ou até mesmo por não suportarem mais as suas piadinhas sem graça e consecutivas.
Eu serei seu quando achar algo no chão. Eu serei seu quando você for dar suas caminhadas de no final da tarde, na expectativa de ter um bom físico.
Eu serei seu quando suas recaídas vierem. Eu serei seu quando achar uma caixa de bombons no armário, sem nem fazer idéia de onde aquilo surgiu. Eu serei seu quando você estiver molhado, embaixo do chuveiro, lavando suas partes íntimas e cantando para a sua platéia de mosquitos.
Eu serei seu quando ninguém mais confiar que você pode. Porque diferente de todos, eu estarei ali, esperando que você me agarre.
Eu serei seu nos momentos de depressão, quando você achar que o mundo conspira contra você. Eu serei seu em todos os momentos, até nos ruins.
Eu estarei do seu lado, esperando que você me agarre com toda a força. Eu serei seu mesmo que um dia você se lembre de algum amor passado, porque eu sou o seu presente.
Eu serei seu quando você nem lembrar que eu existo, mesmo achando que se contenta com outras coisas por aí.
Eu vou ser seu na cama, quando você estiver dormindo pelado de tanto calor. Eu serei seu quando você surtar com todas as contas. Eu estarei ali, esperando que você finalmente me enxergue.
Eu serei seu mesmo quando você não tiver tempo. Eu serei seu quando alguém morrer, nascer e tiver alguma doença.
Eu serei até quando menos esperar.
Eu serei seu quando me trocar pelo ódio, quando me trocar pela indiferença, solidão, medo e qualquer outro sentimento que venha se sobrepor.
Eu vou ser seu de qualquer modo.
Eu vou ser seu quando estiver fazendo o prato que mais gosta, e quando queima o dedo por um descuido da vida.
Eu vou ser seu quando achar uma sombra em um dia de sol infernal, e estarei lá como uma brisa para te refrescar. Eu vou ser seu guia quando estiver confuso com alguma coisa.
Eu vou ser seu quando perder o ônibus das 7 horas, quando estiver voltando para casa naquele domingo chuvoso. Eu vou ser seu quando sofrer por algo.
Eu vou estar ali.
Faz um esforço, por favor. Tenta me enxergar. Eu vou ser seu quando desconfiar até da própria sombra. Eu serei seu quando a música favorita tocar no rádio. Eu serei seu quando você achar uma nota de 20 reais na calça que você não usava há semanas.
Eu serei seu quando você estiver aflito, inseguro da vida. Eu estarei ali, esperando que você me agarre, pois eu sempre fui seu. E sempre serei seu.
Eu vou ser seu em todos os dias da semana, todas as horas do dia, todos os dias do mês, todos os meses do ano, todos os anos da sua vida.
Eu serei seu quando o conflito que você tem consigo mesmo vier. Eu serei seu quando der risada por qualquer coisa.
Eu serei seu até quando dormir. Eu serei seu quando o estouro do champagne vier aos seus ouvidos.
Serei seu quando o som do soluço vier aos seus tímpanos. Serei seu quando uma lágrima cair, seja de felicidade ou tristeza. Eu serei seu por completo.
Só te peço que me enxergue. Faz um esforço.
Eu sou seu, me agarra e me faz sua vida também.
Eu sou seu e sempre vou ser.
Eu prometo.
Ou eu não me chamo Welder Campos.

[8)][:)]


0 comentários:

Viva o Livre!

Declaro aberto os portões desta Sociedade Alternativa. Sintam-se platéia de um palco cheio de personagens que nem eu sei de onde vieram.
A única coisa que sei é que eles estão dentro de mim e que vão começar a aparecer.

Melhor se acomodar, que a cortina já abriu...

Curiosidades..

Minha foto
"Eu acho legal o pessoal acessar o blog e não deixar um recadinho… É massa, é a mesma coisa que você cagar e não puxar a descarga… Porque querendo ou não você usou aquilo, pode ser num momento de merda, mas usou certo? Não custa deixar um recadinho falando… legal…"

Seguidores

Blog Archive

Eu queria ser poeta. Mais sou apenas um contador de historias.